Imprensa •  26/01/2021

Corteva Agriscience reforça atuação em Minas Gerais para atender às necessidades do agricultor local

Em nova parceria com o Grupo Valoriza, indústria do agronegócio, que atua nas áreas de defensivos, sementes e tecnologia, oferece um portfólio robusto de produtos para elevar ganhos em produtividade e rentabilidade

O agronegócio é um setor importante no estado de Minas Gerais, com destaque para os cultivos de soja, milho, feijão, café, algodão e hortifruti. A Corteva Agriscience tem um portfólio completo de proteção para esses cultivos, com soluções inovadoras para o produtor que busca maximizar produtividade e rentabilidade. E para facilitar o acesso do produtor a esse portfólio, a Corteva acaba de fechar uma parceria com a Valoriza, tradicional grupo mineiro que há 32 anos comercializa soluções para toda a cadeia agrícola, principalmente na região do Triângulo Mineiro e Paracatu.

 

O mercado agrícola mineiro cresceu 25% no último ano, alcançando um valor bruto de produção de mais de R$59 bilhões, segundo dados da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento - SEAPA. O investimento de indústrias como a Corteva em pesquisa e inovação é essencial para o produtor alcançar esse sucesso. “Existe um conjunto de soluções oferecidas pela indústria que, quando integradas, são capazes de elevar os ganhos do agricultor, tanto em produtividade quanto em rentabilidade nos mais variados cultivos. Estas soluções permeiam todo o processo, desde a análise do solo, de modalidades de preparo, escolha da variedade, da opção de plantio, enfrentamento de pragas, estratégia de maturação até à colheita”, destaca Deir Silva, Diretor Executivo da Valoriza.

 

Entre os produtos disponíveis, o agricultor mineiro pode contar com a credibilidade da Pioneer®, marca de sementes da Corteva, líder no mercado de milho no Brasil. “A escolha correta das sementes é importantíssima, pois esse é um insumo crucial para o resultado positivo na hora da colheita. Na última década, o mercado de sementes evoluiu muito, graças aos avanços tecnológicos que a indústria trouxe para o agricultor. E a maioria destes avanços transforma a semente em uma ferramenta para incrementar a rentabilidade do agricultor”, afirma Deir.

 

“A Corteva quer contribuir com o desenvolvimento da agricultura local. Contar com a força e a tradição do Grupo Valoriza em Minas Gerais é um grande diferencial e fortalece ainda mais a nossa posição em um mercado tão importante”, comenta Mariana Castanho, Diretora Comercial da Área Leste da Corteva Agriscience.

 

Para mais informações sobre os diferentes cultivos mineiros, vale acessar www.valoriza.net

 

Sobre o Grupo Valoriza

A Valoriza é um grupo do agro com mais de 32 anos de história, fundada em Patos de Minas, que produz e comercializa soluções para todos os elos da cadeia. Participa ativamente junto aos clientes no desafio de produzir e criar valor para o negócio. Com um amplo portfólio de produtos, soluções técnicas, operacionais e parceiros estratégicos, atende do pequeno ao grande produtor de diversas culturas. Em sua indústria de fertilizantes, recebe mais de 73 mil toneladas de subprodutos agroindustriais e transforma-os em fertilizantes orgânicos e organominerais, como fonte nutricional e bioativa para as lavouras, além de contribuir com a sustentabilidade. A Valoriza trabalha com objetivo de ser uma empresa referência em excelência e inovação nos seus setores de atuação, construindo uma relação mútua de geração de valor percebido.

Sobre a Corteva Agriscience

A Corteva Agriscience é uma empresa de capital aberto que oferece aos agricultores de todo o mundo o mais completo portfólio de insumos do setor, como sementes, proteção de cultivos e soluções digitais para maximizar a produtividade e a rentabilidade dos produtores. A empresa é detentora de algumas das marcas mais reconhecidas na agricultura (Pioneer®, Granular®, Brevant™ Sementes e premiados produtos de Proteção de Cultivos), trabalhando ativamente no desenvolvimento e lançamento de produtos por meio de seu robusto pipeline de química ativa e tecnologias. A empresa está empenhada em trabalhar com toda a cadeia para cumprir o seu propósito de enriquecer a vida daqueles que produzem e consomem, garantindo o progresso para as próximas gerações. A Corteva Agriscience tornou-se uma empresa independente em 1º de junho de 2019. Antes dessa data, era Divisão Agrícola da holding DowDuPont. Mais informações disponíveis em www.corteva.com

 

Acompanhe a Corteva Agriscience em Facebook, Instagram, LinkedIn, TwitterYouTube.


Para mais informações:

In Press Porter Novelli

cortevaagriscience@inpresspni.com.br